Apostas GP Hungria F1 19/07/2020

Neste domingo, 19 de julho, a partir das 10h10 (horário de Brasília), será dada a largada para o GP da Hungria, a 3ª etapa do Mundial de Fórmula 1 em sua temporada 2020.

Devido à paralisação por conta da pandemia de coronavírus, a temporada 2020 só começou no domingo, 5 de julho. As duas primeiras corridas foram realizadas na Áustria, no Red Bull Ring, em Spielberg. A alternativa faz parte do protocolo da FIA. que diminuiu o número de Grandes Prêmios e os restringiu a regiões da Europa, à princípio.

Então, neste domingo, a Fórmula 1 chega ao circuito de Hungaroring, na Hungria. Veja o cronograma da corrida, que terá transmissão nos canais Globo e SporTV.

  • 1º treino livre: sexta-feira (17)- 06h – SporTV
  • 2º treino livre: sexta-feira (17) – 10h – SporTV
  • 3º treino livre: sábado (18) – 07h – SporTV
  • Treino classificatório: sábado (18) – 10h – SporTV
  • Corrida: domingo (19) – 10h10 – Globo

GP da Hungria: circuito e características da pista

O circuito de Hungaroring está localizado na cidade de Mogyorod, a 19km de Budapeste, capital da Hungria. O local recebe as provas da Fórmula 1 desde os anos de 1986.

Atualmente, a pista tem um comprimento total de 4.381 km, e o Grande Prêmio é disputado em 70 voltas. Com 14 curvas, é conhecido por ser um circuito lento e com poucos pontos de ultrapassagem. Além disso, é muito estreita (10m), o que ocasiona a formação dos ‘trenzinhos’ nas corridas, dificultando qualquer troca de posição.

O asfalto da pista também é conhecido por ser bastante ondulado e abrasivo, estando frequentemente sujo. Há uma série de discussões para que o local seja abandonado pela Fórmula 1, devido às suas condições adversas para a prática das corridas.

Apostas Hungria f1 2020

Histórico do circuito na Fórmula 1

A pista começou a ser construída em 1985 e, já no ano seguinte, recebeu uma das primeiras corridas da Fórmula 1 em um país do bloco comunista. De lá para cá, passou por uma série de reformas, que aumentaram sua extensão total de 4.014 km para os atuais 4.381 km.

Histórico das equipes em Hungaroring

Veja o histórico das equipes nas corridas:

  • McLaren – 11 vitórias
  • Williams – 7 vitórias
  • Ferrari – 7 vitórias
  • Mercedes – 4 vitórias
  • Red Bull Racing – 2 vitórias
  • Benetton – 1 vitória
  • Renault – 1 vitória
  • Honda – 1 vitória

Pole positions por equipe:

  • McLaren – 8 poles
  • Ferrari – 8 poles
  • Williams – 6 poles
  • Mercedes – 5 poles
  • Red Bull Racing – 3 poles
  • Renault – 2 poles
  • Lotus – 1 pole
  • Benetton – 1 pole

Melhores voltas por equipe:

  • Williams – 9 melhores voltas
  • Ferrari – 9 melhores voltas
  • Red Bull Racing – 7 melhores voltas
  • McLaren – 6 melhores voltas
  • Jordan – 1 melhor volta
  • Benetton – 1 melhor volta
  • Mercedes – 1 melhor volta

Pilotos no pódio por equipe:

  • Ferrari – 25 pilotos
  • McLaren – 22 pilotos
  • Williams – 18 pilotos
  • Red Bull Racing – 10 pilotos
  • Mercedes – 7 pilotos
  • Benetton – 6 pilotos
  • Lotus – 5 pilotos
  • Renault – 2 pilotos
  • Toyota – 2 pilotos
  • BMW Sauber – 2 pilotos
  • Sauber – 1 piloto
  • Arrows – 1 piloto
  • Honda – 1 piloto

Histórico dos pilotos em Hungaroring

Vitórias desde 1986:

  • Lewis Hamilton – 7 vitórias
  • Michael Schumacher – 4 vitórias
  • Ayrton Senna – 3 vitórias
  • Nelson Piquet – 2 vitórias
  • Damon Hill – 2 vitórias
  • Jacques Villeneuve – 2 vitórias
  • Mika Hakkinen – 2 vitórias
  • Jenson Button – 2 vitórias
  • Sebastian Vettel – 2 vitórias

Nigel Mansell/Thierry Boutsen/Rubens Barrichello/Fernando Alonso/Kimi Raikkonen/Heikki Kovalainen/Mark Weber/Daniel Ricciardo – 1 vitória

Histórico completo dos último cinco Grandes Prêmios realizados em Hungaroring:

26 de julho de 2015

  • Pole position: Lewis Hamilton – Mercedes – 1’22’020
  • Vencedor: Sebastian Vettel – Ferrari – 1h46m09s985
  • Melhor volta: Daniel Ricciardo – Red Bull Racing – ’24’821

24 de julho de 2016

  • Pole position: Nico Rosberg – Mercedes – 1’19’’965
  • Vencedor: Lewis Hamilton – Mercedes – 1h40m30s115
  • Melhor volta: Kimi Raikkonen – Ferrari – 1’23’’086

30 de julho de 2017

  • Pole position: Sebastian Vettel – Ferrari – 1’16’’276
  • Vencedor: Sebastian Vettel – Ferrari – 1h39m46s713
  • Melhor volta: Fernando Alonso – McLaren – 1’20’’182

29 de julho de 2018

  • Pole position: Lewis Hamilton – Mercedes – 1’35’’658
  • Vencedor: Lewis Hamilton – 1h37m16s427
  • Melhor volta: Daniel Ricciardo – Aston Martin Red Bull – 1’20’’012

04 de agosto de 2019

  • Pole position: Max Verstappen – Red Bull Racing – 1’14’’572
  • Vencedor: Lewis Hamilton – Mercedes – 1h35m03s796
  • Melhor volta: Max Verstappen – 1’17’’103

Outras estatísticas desde 2003, quando teve uma alteração na reta dos boxes e na curva 12:

  • Em 7 de 17 corridas o pole position venceu a prova;
  • Em 2 de 17 corridas o vencedor teve a melhor volta;
  • Em 4 de 17 corridas o pole position teve a melhor volta;
  • Em 1 de 17 corridas o vencedor teve a pole position e a melhor volta.

Resultados do último Grande Prêmio

A corrida anterior foi o GP da Estíria, realizado no mesmo Red Bull Ring do GP da Áustria, no circuito de Spielberg. O treino classificatório para o grid de largada foi marcado pelo mau tempo, o que resultou até em um atraso no início, devido à forte chuva.

Porém, no Q3, Lewis Hamilton levou a melhor sobre Max Verstappen; veja o grid de largada completo:

  1. Lewis Hamilton – Mercedes – 1m19s273
  2. Max Verstappen – Red Bull – 1m19s477
  3. Carlos Sainz Jr. – McLaren – 1m20s671
  4. Valtteri Bottas – Mercedes – 1m20s701
  5. Esteban Ocon – Renault – 1m20s922
  6. Lando Norris – McLaren – 1m20s925
  7. Alexander Albon – Red Bull – 1m21s011
  8. Pierre Gasly – Alpha Tauri Honda – 1m21s028
  9. Daniel Ricciardo – Renault – 1m21s192
  10. Sebastian Vettel – Ferrari – 1m21s651
  11. Charles Leclerc – Ferrari – 1m19s628
  12. George Russell – Williams – 1m19s636
  13. Lance Stroll – Racing Point – 1m19s645
  14. Daniil Kvyat – Alpha Tauri Honda – 1m19s717
  15. Kevin Magnussen – Haas – 1m20s211
  16. Kimi Raikkonen – Alfa Romeo – 1m21s372
  17. Sergio Pérez – Racing Point – 1m21s607
  18. Nicholas Latifi – Williams – 1m21s759
  19. Antonio Giovinazzi – Alfa Romeo – 1m21s831
  20. Romain Grosjean – Haas – Sem Tempo

Resultado da prova

  1. Lewis Hamilton – Mercedes – 1h22m50s683
  2. Valtteri Bottas – Mercedes – 1h23m04s402
  3. Max Verstappen – Red Bull – 1h23m24s381
  4. Alexander Albon – Red Bull – 1h23m35s083
  5. Lando Norris – McLaren – 1h23m52s153
  6. Sergio Pérez – Racing Point – 1h23m43s070
  7. Lance Stroll – Racing Point – 1h23m53s136
  8. Daniel Ricciardo – Renault – 1h23m53s274
  9. Carlos Sainz Jr. – McLaren – 1h23m09s726
  10. Daniil Kvyat – Alpha Tauri Honda – 1h23m20s934
  11. Kimi Raikkonen – Alfa Romeo – 1h23m28s802
  12. Kevin Magnussen – Haas – 1h23m29s618
  13. Romain Grosjean – Haas – 1h23m29s618
  14. Antonio Giovinazzi – Alfa Romeo – 1h23m34s273
  15. Pierre Gasly – Alpha Tauri Honda – 1h23m49s170
  16. George Russell – Williams – 1h22m52s830
  17. Nicholas Latifi – Williams – 1h22m56s474

Abandonaram a prova:

Esteban Ocon, Charles Leclerc e Sebastian Vettel

Acontecimentos marcantes do GP da Estíria

  • As duas Ferraris (Charles Leclerc e Sebastian Vettel) chocaram entre si e abandonaram a prova já na primeira volta
  • Sergio Pérez foi destaque na prova, largando em 17º devido ao mau tempo no treino classificatório e conseguindo uma corrida de recuperação para chegar em 6º
  • A Mercedes conseguiu a dobradinha, com Lewis em 1º e Bottas em 2º

Classificação do campeonato

Topo do campeonato após 2 etapas

Pilotos

  1. Valtteri Bottas – Mercedes – 43 pontos
  2. Lewis Hamilton – Mercedes – 37 pontos
  3. Lando Norris – McLaren – 26 pontos
  4. Charles Leclerc – Ferrari – 18 pontos
  5. Sergio Pérez – Racing Point – 16 pontos

Construtores

  1. Mercedes – 80 pontos
  2. McLaren – 39 pontos
  3. Red Bull Racing – 27 pontos
  4. Racing Point – 22 pontos
  5. Ferrari – 19 pontos

Apostas F1 2020

Dicas para apostar no GP da Hungria

Atual campeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton é sempre um forte concorrente para a temporada 2020, ainda mais após vencer na Áustria. Além disso, o inglês tem um histórico recente de bons resultados na pista.

Bottas também é um candidato forte que merece a aposta, já que vem fazendo um bom ano junto da Mercedes. O holandês Max Verstappen também chega forte para a corrida, apesar de ser bem jovem, já demonstrou o potencial ao longo das últimas temporadas.

A Ferrari tem sido uma incógnita nas duas primeiras corridas do ano, principalmente após o abandono prematuro logo na primeira volta do GP de Estíria. Assim, é preciso ficar de olho no desempenho nos treinos e também nas notícias sobre o clima nos bastidores.

Devido às condições complicadas da pista que dificultam as ultrapassagens, é fundamental acompanhar os treinos e ficar de olho no grid de largada para as apostas finais. Dificilmente há muitas trocas de posição, logo, o pole position tem grandes chances de vitória.

Dica de aposta: Max Verstappen no pódio com odds de 1.36 na bet365

Veja as melhores casas de apostas para apostar no GP da Hungria:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top 5 sites de apostas
Bet365

Até R$200 em bônus de boas-vindas

Bodog

Até R$200 em bônus de boas-vindas

Betway

Até R$200 EXCLUSIVO em bônus de boas-vindas + R$25 grátis para apostar

Betwarrior

100% de bônus de boas-vindas até R$300

Betfair

Até R$400 em bônus de boas-vindas com o código ZBBL01