Apostas GP 70º aniversário F1 02/08/20

Neste domingo, dia 9 de agosto, a Fórmula 1 volta a Silverstone para comemorar o seu 70º aniversário. O circuito foi escolhido por ser um dos mais antigos da categoria, além de facilitar a logística em épocas de pandemia, visto que a última corrida foi justamente na Inglaterra.

A 5ª etapa do Mundial de 2020 chega em um momento já de definição da briga pelo título. Após o ‘milagre de Hamilton’, o inglês se coloca como candidato a mais um título da Fórmula 1. Veja o cronograma para este final de semana, com transmissões em TV aberta:

  • 1º treino livre: sexta-feira (07)- 07h – SporTV
  • 2º treino livre: sexta-feira (07) – 11h – SporTV
  • 3º treino livre: sábado (08) – 08h – SporTV
  • Treino classificatório: sábado (01) – 11h – SporTV
  • Corrida: domingo (02) – 11h10 – Globo

GP de 70º aniversário: circuito e características da pista

A etapa ocorrerá no circuito de Silverstone, localizado próximo à Vila de Silverstone, em Northamptonshire, na Inglaterra. Atualmente, recebe o nome completo de Arena Grand Prix Circuit, denominação desde 2011.

A pista tem um comprimento total de 5.891 m, e a prova tem um total de 52 voltas. O circuito é conhecido entre os pilotos por ser extremamente veloz, o que tem provocado reformas ao longo dos anos. Ao todo, são 18 curvas e diversos pontos de ultrapassagem ao longo dos quase 6 quilômetros da extensa pista na Grã-Bretanha.

O circuito de Silverstone também é bastante utilizado para provas das categorias inferiores. Assim, muitos pilotos do atual cenário da Fórmula 1 passaram por lá e têm certo conhecimento da pista que, apesar de antiga, é considerada segura e dentro dos padrões da categoria.

Apostas GP da Inglaterra

Histórico do circuito de Silverstone na Fórmula 1

O Grande Prêmio da Inglaterra, junto da Itália, está entre os mais antigos da Fórmula 1. Há registros da corrida desde 1926, em Brooklands. Já em 1948, a pista de Silverstone começou a ser utilizada. A data oficial de início na Fórmula 1 é 1950. Por 5 anos, revezou com Aintree, que posteriormente, operou sozinha entre os anos de 1961 e 1962. Do ano seguinte até 1986, Silverstone revezou novamente, agora com Brands Hatch. Desde 1987, o circuito opera sozinho no calendário da Fórmula 1.

O Circuito de Silverstone já passou por diversas reformas e contém pelo menos 5 circuitos dentro de si. O Stowe Circuit, por exemplo, contava apenas com 1,281 km e 5 curvas. A pista atual é bem mais expandida e se aproxima dos 6 km.

Histórico das equipes na Inglaterra

Números desde 1950 em Silverstone

Veja o histórico das equipes nas corridas:

  • Ferrari – 17 vitórias
  • McLaren – 14 vitórias
  • Williams – 10 vitórias
  • Lotus – 8 vitórias
  • Mercedes – 8 vitórias
  • Red Bull – 3 vitórias
  • Cooper/Tyrrell/Renault – 2 vitórias
  • Alfa Romeo/Vanwall/Brabham/Matra/Benetton – 1 vitória

Pole positions por equipe:

  • Ferrari – 15 poles
  • Williams – 13 poles
  • Lotus – 10 poles
  • Mercedes – 10 poles
  • McLaren – 7 poles
  • Renault/Red Bull – 3 poles
  • Vanwall/Cooper/Brabham – 2 poles
  • Alfa Romeo/Maserati/Shadow/Ligier – 1 pole

Melhores voltas por equipe:

  • Ferrari – 20 melhores voltas
  • Williams – 10 melhores voltas
  • Mercedes/McLaren – 7 melhores voltas
  • BRM/Lotus/Brabham – 4 melhores voltas
  • Maserati/Tyrrell/Renault/Red Bull – 3 melhores voltas
  • Alfa Romeo – 2 melhores volas
  • Gordini/Vanwall/Cooper/Matra/March/Ligier – 1 melhor volta

Pilotos no pódio por equipe:

  • Ferrari – 57
  • McLaren – 33
  • Williams – 22
  • Mercedes – 16
  • Lotus – 15
  • Red Bull – 11
  • Red Bull – 10
  • Benetton – 9
  • Cooper/Tyrrell – 6
  • BRM/Renault – 5
  • Alfa Romeo – 4
  • Maserati – 3
  • Ligier – 2

Histórico dos pilotos no Circuito de Silverstone

Vitórias de pilotos ainda na ativa

  • Lewis Hamilton – 7
  • Sebastian Vettel – 2
  • Kimi Raikkonen – 1
  • Pódios de pilotos ainda na ativa
  • Lewis Hamilton – 9
  • Kimi Raikkonen – 7
  • Sebastian Vettel – 5
  • Valtteri Bottas – 3
  • Max Verstappen – 1
  • Daniel Ricciardo – 1
  • Charles Leclarc – 1

Pole positions de pilotos ainda na ativa

  • Lewis Hamilton – 7
  • Sebastian Vettel – 2
  • Kimi Raikkonen/Valtteri Bottas – 1
  • Melhores voltas de pilotos ainda na ativa
  • Kimi Raikkonen/Lewis Hamilton – 4
  • Sebastian Vettel – 2

Histórico completo dos último cinco Grandes Prêmios realizados em Silverstone:

10 de julho de 2016

  • Pole position: Lewis Hamilton – Mercedes – 1’29”287
  • Vitória: Lewis Hamilton – Mercedes – 1h34m55.831s
  • Melhor volta: Nico Rosberg – Mercedes – 1’35”548

16 de julho de 2017

  • Pole position – Lewis Hamilton – Mercedes – 1’26”600
  • Vitória: Lewis Hamilton – Mercedes – 1h21m27.430s
  • Melhor volta: Lewis Hamilton – 1’30”621

8 de julho de 2018

  • Pole position: Lewis Hamilton – Mercedes – 1’25”892
  • Vitória: Sebastian Vettel – Ferrari – 1h27m29.784s
  • Melhor volta: Sebastial Vettel – Ferrari – 1’30”696

14 de julho de 2019

  • Pole position: Valtteri Bottas – Mercedes – 1’15”093
  • Vitória: Lewis Hamilton – Mercedes – 1h21m08.452s
  • Melhor volta: Lewis Hamilton – Mercedes – 1’27”369

A corrida de 2020 também é a última etapa; veja os números nos tópicos seguintes.

Outras estatísticas desde 2011, quando houve uma alteração na linha de partida:

  • Em 5 de 10 corridas o Pole position venceu, todas com Hamilton
  • Em 4 de 10 corridas o vencedor teve a melhor volta, 3 com Hamilton
  • Em 2 de 10 corridas o pole position teve a melhor volta
  • Em 2 de 10 corridas o pole position teve a melhor volta e venceu

Resultados do último Grande Prêmio

O último GP do campeonato foi realizado em Silverstone, na Inglaterra, onde será o GP de 70º aniversário da Fórmula 1.

Grid completo de largada:

  1. Lewis Hamilton – Mercedes – 1m24s303
  2. Valtteri Bottas – Mercedes – 1m24s616
  3. Max Verstappen – Red Bull – 1m25s325
  4. Charles Leclerc – Ferrari – 1m25s427
  5. Lando Norris – McLaren – 1m25s782
  6. Lance Stroll – Racing Point – 1m25s839
  7. Carlos Sainz Jr. – McLaren – 1m25s965
  8. Daniel Ricciardo – Renault – 1m26s009
  9. Esteban Ocon – Renault – 1m26s209
  10. Sebastian Vettel – Ferrari – 1m26s339
  11. Pierre Gasly – Alpha Tauri Honda – 1m26s501
  12. Alexander Albon – Red Bull – 1m26s545
  13. Nico Hulkenberg – Racing Point – 1m26s566
  14. Kevin Magnussen – HAAS – 1m26s744
  15. Antonio Giovinazzi – Alfa Romeo – 1m27s092
  16. Kimi Raikkonen – Alfa Romeo – 1m27s158
  17. Romain Grosjean – HAAS – 1m7s164
  18. Nicolas Latifi – Williams – 1m27s366
  19. Daniil Kyvat – Aplha Tauri Honda – 1m27s643
  20. George Russell – Williams – 1m27s705

Resultado da prova

  1. Lewis Hamilton – Mercedes
  2. Max Verstappen – Red Bull – +05s856
  3. Charles Leclerc – Ferrari – +18s474
  4. Daniel Ricciardo – Renault – +19s650
  5. Lando Norris – McLaren – +22s277
  6. Esteban Ocon – Renault – +26s937
  7. Pierre Gasly – Alpha Tauri – +31s188
  8. Alexander Albon – Red Bull – +32s670
  9. Lance Stroll – Racing Point – +37s311
  10. Sebastian Vettel – Ferrari – +41s857
  11. Valtteri Bottas – Mercedes – +42s167
  12. Antonio Giovinazzi – Alfa Romeo – +52s004
  13. George Russel – Williams – +53s370
  14. Carlos Sainz Jr. – McLaren – +54s205
  15. Nicholas Latifi – Williams – +54s549
  16. Romain Grosjean – HAAS – +55s050
  17. Kimi Raikkonen – Alfa Romeo – +51 voltas
  18. Danill Kvyat – Alfa Romeo – sem tempo
  19. Kevin Magnusse- HAAS – sem tempo
  20. Nico Hulkenberg – Racing Point – sem tempo

Melhor volta: Max Verstappen – Red Bull – 1’27’097

Acontecimentos marcantes do GP da Inglaterra

  • Lewis Hamilton venceu a corrida com 3 pneus, o que ficou conhecido como o ‘milagre de Hamilton’, em uma última volta emocionante;
  • O companheiro de equipe de Hamilton, Bottas, ficou apenas em décimo-primeiro colocado;
  • Enquanto Charles ficou no pódium, Vetter foi só o décimo colocado e ‘reclamou’ com o carro da Ferrari;
  • Pirelli aponta problemas em uma série de pneus por conta da pista de Silverstone.

Classificação do campeonato

Topo do campeonato após 4 etapas

Pilotos

  1. Lewis Hamilton – Mercedes – 88 pontos
  2. Valtteri Bottas – Mercedes – 58 pontos
  3. Max Verstappen – Red Bull – 52 pontos
  4. Lando Norris – McLaren – 36 pontos
  5. Charles Leclerc – Ferrari – 33 pontos

Construtores

  1. Mercedes – 146 pontos
  2. Red Bull – 78 pontos
  3. McLaren – 51 pontos
  4. Ferrari – 43 pontos
  5. Racing Point – 42 pontos

Apostas F1 2020

Dicas para apostar no GP de 70º aniversário da F1

Após ser destaque, inclusive dos últimos tempos, a vitória de Lewis Hamilton com apenas três pneus ao fim do circuito de Silverstone coloca a aposta mais segura novamente no piloto inglês.

Dessa maneira, apostar na Mercedes pode ser bastante vantajoso, principalmente na figura de Hamilton, que chega muito favorito.

A Ferrari e a Red Bull começaram a se recuperar no campeonato, melhoraram as colocações e podem chegar para brigarem pelo menos por pódio.

Dica de aposta: vitória de Lewis Hamilton com odds de 1.33 na betway

Veja as melhores casas de apostas para apostar no GP de 70º aniversário:

Apostar no GP de 70º aniversário da F1 com a betsson

Apostar no GP de 70º aniversário da F1 com a 22bet

Apostar no GP de 70º aniversário da F1 com a Rivalo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top 5 sites de apostas
Bet365

Até R$200 em bônus de boas-vindas

Bodog

Até R$200 em bônus de boas-vindas

Betwarrior

100% de bônus de boas-vindas até R$300

Betway

Até R$200 EXCLUSIVO em bônus de boas-vindas + R$25 grátis para apostar

Betfair

Até R$400 em bônus de boas-vindas com o código ZBBL01