Beisebol: temporada regular da MLB terá no máximo 60 jogos

Embora a NBA e a NHL tenham encontrado maneiras de reiniciar suas respectivas ligas, o beisebol norte-americano ainda não conseguiu lidar com o deslocamento econômico devido ao novo coronavírus e da perspectiva de jogar em estádios vazios, sem público.

Mas, após vários imbróglios entre os proprietários das franquias e o sindicato dos jogadores da Major League Baseball (MLB) sobre a volta da liga durante a pandemia do coronavírus, a MLB enfim comunicou recentemente aos jogadores que a temporada regular terá 60 jogos, 102 jogos a menos que nos anos anteriores. Além disso, também não é descartada a possibilidade de um cronograma ainda mais curto, com 50 ou menos jogos.

“A MLB informou à associação que não responderá à nossa última proposta e não jogará mais de 60 jogos. Nosso conselho executivo se reunirá em um futuro próximo para determinar os próximos passos. É importante ressaltar que os jogadores continuam comprometidos em voltar ao trabalho o mais rápido possível”, disse Tony Clark, chefe do sindicato de jogadores da MLB.

Questão salarial está prestes a ser definida entre jogadores e mandatários — início da temporada deve ocorrer em julho

Se fosse uma temporada normal, os atletas ganhariam por volta de US$ 4 bilhões em salários somados este ano. Porém, os mandatários propuseram para os jogadores US$ 1,73 bilhão para uma programação de 70 jogos (já descartada essa hipótese), US$ 1,48 bilhão para 60 jogos e US$ 1,23 bilhão para 50 jogos. Ou seja, uma diminuição considerável no salário dos jogadores.

Vale destacar que o sindicato dos jogadores pediru salários proporcionais ao total do número de jogos, algo que os mandatários resistiram para aceitar. Segundo os donos das franquias, a falta de público nas partidas fará que as equipes percam um número considerável em receitas e isso inviabilizaria pagar os salários que os jogadores compreendem ser justos — e de fato são do ponto de vista contratual.

Para tentar convencer o sindicato dos jogadores a aceitar o acordo proposto, a MLB ofereceu para os jogadores uma espécie de bônus, no valor US$ 25 milhões para os atletas na pós-temporada. No entanto, o sindicato pede ao menos US$ 50 milhões. Segundo a imprensa norte-americana, ambos os lados acreditam que o dia de abertura da temporada nos dias 19 ou 20 de julho, com a necessidade de ao menos de três dias de testes e três semanas de treinamento.

Alguns jogadores testaram positivo para coronavírus

Outro fator que dificulta o início da nova temporada da MLB é que alguns atletas contraíram coronavírus recentemente. Philadelphia Phillies e Toronto Blue Jays, por exemplo, fecharam seus centros de treinamentos por conta de casos de coronavírus nas suas respectivas equipes — os Phillies alegam que cinco profissionais testaram positivo.

O Texas Rangers também pausou seus treinamentos recentemente, alegando que irá expandir seus protocolos de testagem, mesmo que nenhum atleta da franquia tenha sido diagnosticado com coronavírus até o momento.

Probabilidades de título em porcentagem, segundo as odds da Betway

  • New York Yankees: 22,2%
  • Los Angeles Dodgers: 20%
  • Houston Astros: 12,5%
  • Atlanta Braves: 7,7%
  • Minessota Twins: 6,7%
  • Washington Nationals: 6,7%
  • Louis Cardinals: 5,3%
  • Philadelphia Phillies: 4,8%
  • Tampa Bay Rays: 4,8%
  • Boston Red Sox: 3,8%
  • Chicago Cubs: 3,8%
  • Cleveland Indians: 3,8%
  • Milwaukee Brewers: 3,8%
  • New York Mets: 3,8%
  • Oakland Athletics: 3,4%
  • Chicago White Sox: 2,9%
  • Los Angeles Angels: 2,9%
  • Cincinnati Reds: 2,8%
  • San Diego Padres: 2,4%
  • Toronto Blue Jays: 2%
  • Arizona Diamondbacks: 1,4%
  • Texas Rangers: 1,4%
  • Colorado Rockies: 1%
  • Pitsburgh Pirates: 0,5%
  • San Francisco Giants: 0,5%
  • Seatlle Mariners: 0,3%
  • Kansas City Royals: 0,2%
  • Detroit Tigers: 0,1%
  • Miami Marlins: 0,1%
  • Baltimore Orioles: 0%

MLB é um mercado de grande liquidez nas apostas esportivas

Terceiro esporte mais popular nos Estados Unidos, atrás apenas do futebol americano e do basquete, o beisebol é uma modalidade que atrai muitos apostadores, principalmente no exterior. Em razão disso, a MLB, principal liga de beisebol do mundo, é um mercado gigante nas apostas esportivas.

Como o beisebol é um esporte em que muitas vezes a zebra vence, as odds da MLB costumam mais parelhas do que em outras modalidades tradicionais. Sendo assim, raramente a odd de um favorito é menos que 1.50. No futebol, por exemplo, as odds para favoritos costumam a estar para baixo de 1.20. Sendo assim, a MLB é uma boa liga para encontrar apostas de valor.

Algumas dicas são muito valiosas para apostar na MLB, como analisar a fase recente dos arremessadores, dar importância ao momento dos ataques nas últimas semanas e não dar muito peso para o fatores mandante e visitante. Outro fator importante é analisar o tamanho do campo de cada equipe, visto que as dimensões de espaço variam de um estádio para o outro.

As melhores casas de apostas para apostar na MLB são:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top 5 sites de apostas
888sport

$40USD em apostas grátis*

Betfair

Até R$400 em bônus de boas-vindas com o código ZBBL01

Rivalo

Até R$777 em bônus de boas-vindas

22Bet

Até R$600 em bônus + 22 Bet Points

Sportingbet

Até R$120 em bônus de boas-vindas