Fórmula 1 tem data definida para voltar

Sites de Apostas > Atualidade > Fórmula 1 tem data definida para voltar

Depois de meses de indefinição, finalmente a Fórmula 1, através da Liberty Media, definiu uma data definida para a volta do campeonato mais tradicional do automobilismo. Inicialmente programada para começar no mês de março e com 22 corridas programadas no calendário, a temporada 2020 do campeonato sofreu várias mudanças devido ao coronavírus e oito etapas estão confirmadas inicialmente para a volta.

De acordo com a F1, a volta será entre os dias 3 e 5 de julho, com o GP no circuito de Red Bull Ring (Áustria). A grande novidade é que nessa volta algumas etapas serão repetidas, como na própria Áustria e também no Reino Unido, como veremos na sequência.

Crédito: imagem obtida no site oficial da Fórmula 1

Maiores detalhes e preocupação da F1 com a saúde de todos os envolvidos

Vale destacar que a volta da Fórmula 1, pelo menos nos próximos meses, só acontecerá porque terá um rigoroso protocolo médico para as disputas das etapas, como testes de todos profissionais envolvidos para coronavírus prévios para cada evento. Também é importante mencionar que os primeiros GPs não terão público — alguns organizadores tentarão reivindicar juntos aos governos locais para rever essa decisão — e com quantidade menor de pessoas trabalhando nos paddocks.

“Embora atualmente esperemos que a temporada comece sem fãs em nossas corridas, esperamos que nos próximos meses a situação nos permita recebê-los de volta quando for seguro, mas sabemos que o retorno da Fórmula 1 será um impulso bem-vindo para fãs de esportes de todo o mundo”, diz Chase Carey, presidente e CEO da Fórmula 1.

Além do retorno da Fórmula 1, as outras categorias da modalidade, Fórmula 2 e Fórmula 3, acompanharão o mesmo ritmo e locais de prova da F1. A previsão dos organizadores é que tenha ao menos 15 corridas até o fim do ano.

Já se sabe que algumas provas não terão de maneira alguma neste ano, o GP de Mônaco, o GP de Austrália, o GP da França e o GP da Holanda. A prova da Holanda, inclusive, não acontece no país desde 1985.

“Nós e a Fórmula 1 investigamos o potencial de realizar uma corrida remarcada para este ano, sem espectadores, mas gostaríamos de comemorar este momento – o retorno da Fórmula 1 em Zandvoort – junto com nossos fãs de corrida na Holanda. Pedimos a todos que sejam pacientes. Eu tive que esperar por 35 anos, então eu posso esperar mais um ano”, disse o diretor esportivo do GP da Holanda, Jan Lammers, em comunicado oficial postado no site da Fórmula 1.

Se quatro provas já foram oficialmente canceladas outras ainda aguardam o veredito oficial da Fórmula 1. Os GPs do Bahrein, da China, do Vietnã (ano de estreia na F1), do Canadá e do Azerbaijão, por exemplo, estão adiados oficialmente e datas a serem escolhidas. Já as corridas de Singapura, Rússia, Japão, Estados Unidos, México, Brasil e Abu Dhabi continuam no cronograma oficial da F1 para 2020, porém não há muitos detalhes sobre essas provas.

Com relação ao GP do Brasil, em especial, a prova originalmente está programada para o dia 15 de novembro. Como ainda distante, os organizadores do circuito de Interlagos esperam que a prova brasileira ocorra sem maiores problemas e dentro da data pré-definida.

“Os dirigentes da Liberty Media consideram que as corridas das Américas serão realizadas, assim como as do Oriente Médio. Eles têm como base que, entre outubro e novembro, a curva da pandemia, como ocorreu na Ásia e Europa, já terá caído o suficiente para garantir a realização dessas etapas”, disse Castilho de Andrade, diretor de imprensa do GP Brasil, em declarações à Agência Brasil.

A Fórmula 1 nas apostas: apostadores brasileiros preferem outras modalidades

No Brasil, as apostas em Fórmula 1 não são muito populares como em outras modalidades tradicionais. Talvez, a resposta para isso é que o país, desde a morte do ídolo Ayrton Senna, sente a falta de um piloto no topo da categoria. Sendo assim, a audiência da Fórmula 1 no Brasil vem despencando ano após ano.

Outra resposta para o baixo interesse dos apostadores brasileiros por Fórmula 1 é que as odds são muito justas e o valores não valem muito a pena levando em conta a imprevisibilidade de uma corrida da Fórmula 1, já que um acidente ou uma falha mecânica nos carros podem acontecer a qualquer momento.

Ainda assim, o mercado da categoria mais popular do automobilismo nas apostas é asiático, ou seja, de alta liquidez e que raramente limita os seus clientes mais lucrativos — só em caso de irregularidades comprovadas pela casa de aposta junto ao apostador.

As melhores casas de apostas para apostar na Fórmula 1 são:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top 5 sites de apostas
Betfair
Betfair

Até R$400 em bônus de boas-vindas com o código ZBBL01

Rivalo
Rivalo

Até R$777 em bônus de boas-vindas

22Bet
22Bet

Até R$600 em bônus + 22 Bet Points

Betway
Betway

Até R$200 EXCLUSIVO em bônus de boas-vindas + R$25 grátis para apostar

Bet365
Bet365

Até R$200 em bônus de boas-vindas